Sobre o "não sei"

Eba! Meu primeiro post aqui!
Então. Pensei muito sobre o que escrever. O objetivo era algo rápido, intenso e reflexivo. Mas não deu. Simplesmente não sei o que escrever. Melhor, vou me corrigir, sempre tenho várias coisas pra falar/ escrever, mas sofro de dois problemas: o primeiro, esquecimento. O segundo  de não sei
Tá, mas como assim Janine? Tu sofre de não sei?
Exatamente. É simples e todos nós, hoje em dia, sofremos de não sei. Basta observar nossos diálogos do dia a dia. 
Não sei é uma das expressões mais usadas. Mas qual o motivo? O motivo é que realmente não sabemos o que fazer. Porque são muitas coisas. Um exemplo prático. O dia de boa parte da população se resume em: 1 – trabalho/ trabalho/ faculdade; 2 – trabalho/ trabalho/ trabalho; 3 – cuidar dos filhos/ trabalho/ cuidar da casa.
Acho que deu pra entender qual o objetivo né?!
Sofrer de não sei é não ter tempo pra fazer o que se gosta. Ou fazer aquilo que detesta! Ou não fazer nada. Quer ver?!
– Tu pretende trabalhar em que área depois que se formar?
Não sei. Ainda não escolhi. [na verdade a pessoa não sabe porque não pensou ou porque vai fazer algo que não gosta no futuro]
– Tu pretende ter filhos?
Não sei. Vai depender do trabalho, das condições financeiras. Essas coias!
– Tu vai fazer uma pós-graduação?
Não sei, mas acho que sim, porque todo mundo anda fazendo hoje em dia, não dá pra ficar pra trás né?! [dualidade]
Sofrer de não sei é agir no modo automático. É se privar das coisas. É dançar conforme a música, e não conforme se gosta. Sofrer de não sei é esperar que as coisas não piorem.

Quando uma mulher resolve falar – O que esperamos de vocês

Olá queridos leitores, hoje eu venho aqui inaugurar a nova coluna do Pausa para um Café 😀

Aqui eu vou falar sobre mulheres (: Sim sobre nós seres lindos e que adoram falar mais para o querido público macho!
E o Inácio vai me criticar… brincadeirinha (espero) Ele vai ter seu direito de resposta. Comentando no final do post ou quem sabe traduzindo se eu falar de um jeito muito mulher.

Para dar início o Inácio (novamente) me deu a ideia de falar sobre:

O QUE AS MULHERES ESPERAM DOS HOMENS
Assunto fácil? Não!
Esse é um assunto muito confuso para nós mulheres, porque se nós começamos a falar demais, logo idealizamos alguém impossível de existir. Não que homens não tenham qualidades… Vocês tem e muitas, e amamos vocês por isso… Mas como perguntaram o que a gente espera… sempre sonhamos demais.
Eu então conversei com algumas mulheres ( Rafa, Carol e Roberta) e perguntei o que elas esperam de um homem.
Vou começar com a que vocês mais vão gostar. 1º : SEXO!
O problema disso é resolver como e quando ela quer. Mais para muitos isso não é um problema.
Eu sinceramente gostei muito da resposta da Carol, na qual ela me disse que espera que o homem tenha CONVICÇÃO! Acho que o que queremos se resume a isso… Um homem que tenha convicção. Em todos os blogs pessoais que leio e que escrevem textos/poesias/contos/dramalhões sobre romance eu nunca li nenhuma mulher dizer que queria um homem que tivesse Convicção, mais duvido que se perguntasse para qualquer uma elas iriam me dizer “Ui não quero isso!”
Para aqueles que estão boiando e querem saber o que é convicção : “É certeza obtida por fatos ou razões, que não deixam dúvida nem dão lugar a objeção; opiniões firmes.”
Claro que temos alguns pontos que não vão mudar nunca quando se pergunta o que queremos, o que esperamos…
Queremos companheirismo, respeito, sinceridade, e uma boa pegada (:
Não adianta falar que olhamos somente o coração… não nós olhamos o conjunto inteiro, desde como você sorriu ao tamanho do seu pé, como esta sua calça, e se seu tênis esta limpo. (É eu sempre reparei no tênis u.ú)
Claro que temos mulheres e mulheres ( E quanto mais sujo mais ela me ama/Mais ela me quer/E quanto mais sujo mais ela me ama/Mais forte eu vejo o brilho nos olhos dessa mulher/E por aí vai! ♫)
Mais acho que de tudo que falei se vocês tiverem convicções, sonhos, ideais e souberem como deixar isso bem claro, aposto que vão ter muitas mulheres querendo dividir a vida em busca desses ideais ao seu lado 😀
Mais também não adianta não ter nenhum respeito pelos sonhos e ideais das mulheres.
Agora vamos ver o que o Sr. Inácio tem a nos dizer…

Mulheres, esses seres fantásticos, que nós amamos e criticamos! Concordo plenamente com você Anna quando diz que vocês mulheres sempre sonham demais, sempre reclamam de algo ¬¬ Se bem que tem homens que fazem por merecer críticas. Em relação ao Sexo, se depender da maioria seria toda hora, com pausa para o futebol uma cerveja e aquele cochilo depois do almoço. Mas o que os Homens não podem esquecer é que as Mulheres não são objetos! Elas são seres extremamente especiais! Que merecem muito carinho e compreensão, pelo menos uma parte merece, já outras se transformam em objetos mesmo. Convicção, está aí algo que não só os homens deveriam ter mas as mulheres também, não estou generalizando dizendo que elas não tem. Homens não confundam convicção com ser “cabeça dura”, teimoso, mandão, arrogante, etc. Convicção é saber o que quer, mas é necessário ouvir os outros, principalmente o que sua companheira fala. Escutem o que as mulheres falam, não precisa concordar com tudo, nem arrumar briga por pouca coisa, mas deixe elas falarem, falarem sobre a vida, sobre seus sonhos, tente incentiva-las, sejam companheiros, amigos, ajudem no que puder. Protejam suas amadas! Mulheres gostam de se sentir protegidas e homens gostam de saber que estão protegendo sua mulher. E Mulheres, nós também olhamos vocês, não apenas as suas graciosas curvas, mas também como vocês se comportam, principalmente quando estão com as amigas, observamos os seus trejeitos, adoramos os seus carinhos. Mulheres os homens podem até não falar o que sentem por vocês, muitos tem dificuldades em ser romântico, então não pense que só porque seu namorado não escreveu um soneto ou um enorme poema que ele não te ama. Os homens podem até não falar, mas todos gostam de carinho, seja aquele beijo inesperado, um cafuné ou um carinho no rosto. É nos pequenos detalhes que se mantém o amor. Então se cada um se esforçar um pouco para fazer o outro feliz, todos serão felizes, eu espero.
Espero não ter enrolado muito e dito coisas sem sentido. Sou péssimo com posts =/
Espero que gostem! \o

"Duas coisas me vem a cabeça "

Walter Bishop disse essa frase, e ela nunca mais saiu da minha mente.
Não lembro exatamente quando comecei a ver Fringe…. Mas foi ano passado, no começo do ano, quando o meu “mestre” em seriados @ph_base me que também é um viciado em Fringe me mostrou, no começo eu era meio preguiçosa pra assistir eu confesso, mais depois de uns 5 pra 6 eps eu já estava totalmente viciada. É foi nessa época que perdi a vida social, de Fringe eu parti para outras series, não que eu não assistisse outras series mais não as acompanhava e era totalmente fã.

Fringe foi a primeira serie que me fez ficar acordada a noite pra esperar legendas, assistir na TV novamente todas as vezes que passava e fazer até mesmo amizades e inimizades.
Fringe pra mim é mais que uma somente série é uma parte da minha vida ( ta sei que foi meio fã de HP falando assim). Mais é assim, eu falo sobre Fringe, tem um botton com essa frase do titulo do post na minha mochila, são lições de vida.
Então para os leigos vou falar um pouco de Fringe:
 “Universos paralelos, cientista maluco que drogou crianças quando pequenas que com isso conseguiram poderes e por causa de suas experiências quase destruiu a chamada ‘outra dimensão'”.
 Bem ignorantemente falando é isso.
Mais vamos explicar melhor…
Segundo a Wikipédia #Fringe é isso ai:
“É um drama que explora a tênue linha entre a ficção científica e a realidade. Quando um acidente aéreo ocorre em Boston, matando todos os passageiros e a tripulação de forma chocante, a agente especial do FBI Olivia Dunham” (Anna Torv) é chamada para investigar. Depois que seu parceiro, o agente especial “John Scott”, quase morre durante a investigação, Olivia procura desesperadamente por ajuda e acaba conhecendo o “Dr. Walter Bishop” (John Noble), considerado o Einstein da nossa geração. Só há um problema: Walter esteve internado em uma clínica psiquiátrica pelos últimos 17 anos e a única forma de questioná-lo é pedindo ajuda a “Peter Bishop” (Joshua Jackson), o estranho filho de Walter.
Quando a investigação de Olivia a leva à manipuladora executiva de uma megacorporação chamada Massive Dynamic, “Nina Sharp”, esse trio improvável, ao lado dos agentes do FBI, “Phillip Broyles”, “Astrid Fansworth” e “Charles Francis”, vai descobrir que o que aconteceu com o voo 627 é apenas um pedaço de uma verdade maior e mais chocante.”

Achou interessante? Eu achei quando ouvi falar, e hoje é uma das séries que mais me faz perder o sono. Eu recomendo porque Fringe não é qualquer série, ela é baseada em contextos muito interessantes, afinal não podemos negar que J.J Abrams é um gênio quando se trata de séries, apenas de nunca ter conseguido passar do segundo ep de LOST ( okay, podem me apedrejar agora!)  mais é verdade, nuca gostei. Mais quando se fala em Alias eu tiro o chapéu! Fringe tem uma trilha sonora fascinante.Quando se escuta a musica da abertura, cara é de arrepiar.

Para quem quiser conhecer mais sobre a série recomendo esse site
O que eu mais gosto na série é o profissionalismo dos atores, Anna Torv esta em seus melhores momentos na terceira temporada, Walter esse não precisa de comentários, ele consegue nos fazer rir e chorar em questão de segundos. Quando os atores são realmente bons é muito diferente assistir uma série. É gratificante. Realmente uma experiência única.
E falando como Marketóloga: O valor percebido do seriado é muito grande. Os atributos que são adicionados a essa serie são de uma gama enorme.
Eu recomendo!

 
Para quem achou “nháá deve ser uma merda J.J deve ser maluquinho e pirar na batatinha com essa série e a Anna deve ser outra louca porque sempre gosta de coisas que tem ou ets, ou zumbis, ou universos paralelos”. Aqui vai meu desafio para você. Assista um episódio, vamos, não deve ser tão difícil, se depois desse ep, mesmo assim você não gostar, somos obrigados a aceitar sua opinião.
Mais se você gostar, volte aqui, e comente, seja mais um viciado em Fringe.
E quem já é fã da série deixe aqui sem comentário dizendo do que mais gosta da série.

Vamos falar de televisão?

Olá, estou aqui pela primeira vez e venho trazendo algumas dicas.

Eu tinha feito outro post, com outro assunto, mas o meu note desligou e eu perdi. Sou esperta?
Deixando isso de lado, resolvi fazer de novo, mas com outro assunto (viva o efêmero), e a ideia surgiu de uns tuites trocados entre mim e a @naoparededancar.
Este post é mais uma indicação, e não é sobre livros ou filmes, e sim sobre programa de TV.
Mas vocês deve estar pensando: “Programa de TV? Mas que coisa chata Larissa, não quero saber de assistir novela, fale sobre livros”, mas a proposta dessa indicação é o conhecimento.
Mude de canal, coloque na TV Cultura, é como estar em uma biblioteca, eu poderia citar vários programas, mas vou falar apenas de quatro, que são os meus preferidos, encontre mais programas aqui.

Toda segunda tem o Roda Vida, com Marília Gabriela, Augusto Nunes, Paulo Moreira Leite e mais dois jornalistas convidados.
Cada semana é um entrevistado diferente, o Roda Viva já mudou minha opinião sobre muita coisa e também já adicionou muitas informações, há sempre algo interessante.
O programa vai ao ar às 22 horas.
Já na terça-feira, às 23 horas, temos um encontro com o Abu no programa Provocações, e esse é meu programa preferido.
Não tem um dia que eu saio da frente da TV satisfeita, e sabe por que? Porque eu tenho sede de entender tudo o que é falado e citado, cada programa que eu assisto me sinto ainda mais ignorante e isso é ótimo, pois quando a gente pensa que não sabe de nada passamos a estudar o assunto e procuramos saber mais, sempre tem algo a adicionar.
Não importa quem está sendo entrevistado se é um filósofo, um médico ou uma ex-chacrete, você sempre aprende algo.
(Aliás, hoje é dia de Provocações, não percam).
Aos domingos, às 22 horas tem Café filosófico, os temas são variados, desde religião até relacionamentos amorosos, os temas são variados, qualquer assunto fica interessante.
Cada programa é um palestrante, tem dois apresentadores que fazem várias citações ao longo do programa.
É um programa muito rico em literatura e (claro) filosofia, e mesmo que você ache tudo isso um porre ainda é interessante assistir. Ouvir opiniões de pessoas diferentes é sempre bom, constrói o caráter e a opinião.
Para começar procure na internet o programa em que o convidado foi o Lobão, é um dos meus preferidos e depois você com certeza vai querer acompanhar todos os domingos.
E todos os dias tem o Cultura Documentários, vai de biografias de grandes personalidades até problemas sociais e cultura de outros países, é muito interessante.
Para você que é vestibulando só tem a acrescentar, tem geopolítica, economia, tudo de uma forma clara e boa de assistir. Sem dizer que as biografias sempre são interessantes.

Bom, meu primeiro post acaba aqui, espero que tenham gostado e que procurem assistir aos programas que indiquei.
É cultura, arte, filosofia, política, tudo misturado para o resultado ser agradável.

#inauguração.

Olá Pessoas 😀
Eu venho lhes apresentar o blog.
A intenção do blog é falar sobre variados assuntos, desde eventos que estarão acontecendo nas cidades até livros, series, filmes.
A ideia inicial era fazer um blog só escrito por mulheres, mas o Inácio também estará colaborando com o blog. Será a voz masculina nesse universo de mulheres falando tudo ao mesmo tempo ;D

Vou fazer uma breve apresentação do nosso pessoal.

Rafaela  : Ela gosta de escrever e escreve bem. Quem sabe um dia não vemos um livro com poesias dessa curitibana por ai? Vai prestar vestibular para Publicidade e Propaganda este ano.
Helu : Designer Gráfica,viciada em series e nerd. Sim ela é uma paulista que lê HQ’s assiste animes, lê livros, assiste series eeee… escreve em um blog super bacana o Manuscrito das Sombras
Janine : Imagine alguém viciada em livros. Pois é essa estudante de Jornalismo gaúcha que escreve no Janine Stecanella
Larissa : Paulista escritora no Todos estão Mudos, um ser viciado em Beatles e Punk Rock que prestará vestibular para Jornalismo.
Gabriela: Uma viciada em animes e esse mundo nerd. 
Anna : Eu , Faço Marketing, sou curitibana e escrevo no Casos Perdidos no Acaso e as vezes no Senhor Dos Anéis BR . Sou viciada em series, filmes principalmente e Livros que são minha maior paixão.
 E por fim o Inácio : Nosso Feanor, é ele é um Adm. de Redes paulista super fã de Tolkien.Também escreve no Senhor dos Aneis BR e joga WOW nas hora vagas.

Então pessoas. Espero que gostem do blog, comentem, dêem sugestões e sejam felizes o/

# SABADO! ~Romance ou não? Eis a questão!

Aqui estou eu nesse dia frio para postar alguma coisa sobre romance, mais vou deixar esse post pra mais de noite, quero ver se assisto um ainda e dedico o post para o meu namorado *—* Dai faço um post bem romântico comemorando também o mês de namoro HAHAH
Mais vamos parar de melodrama e começar a falar do que realmente eu vim fazer aqui agora. Eu ontem a noite assisti Dollan‘s Cadillac um filme baseado no conto do grande Stephen King. Eu realmente assisti ele para poder criticar porque como as pessoas tem o DOM de estragar as historias do King quando a passam para o cinema como aconteceu com THE MIST que para mim não ficou bom! Acho que no fundo o único que se salva é O ILUMINADO que esse realmente é um dos melhores filmes de terror que eu já assisti!
Então vamos continuar, Dollan‘s Cadillac teve um orçamento muito pequeno, acabando por ir direto para o dvd então também não espere O FILME! [tá confesso eu esperei!] Mais é porque o as histórias do Stephen são muuuuuuuuuuito ricas então é um pecado não conseguir fazer um bom filme, mais claro a responsabilidade é enorme! E em Dollan‘s Cadillac eu achei que eles conseguiram botar a historia e fazer um enredo legal, o jogo com a fala do personagem falando sobre Dollan é o que dá o climax no filme, tirando aquele lado da ação e colocando mais suspense, o jeito como o Professor vai elaborando a vingança aos poucos e medida mente vai dando a vontade de você terminar o filme e ver logo como aquilo vai terminar, o filme tem a sua graça, um encanto humilde e gracioso. Para mim o que deixou a desejar no filme foi um pouco nas interpretações, os atores fizeram o seu melhor e podemos ver isso no professor mais ao final da trama pois no começo ele parecia não ter muito dom pra linguagem facial, mais ele surpreende no final com seu ‘jeito pra psicopata’ o problema é que o Stephen King consegue nos passar tanto do estado psicológico dos personagens que quando isso passa para as telonas ficamos descontentes porque esperávamos mais, muuuito mais!
Então, sobre a historia ela mostra mais como um pacifico cidadão se mostra capaz frente a um criminoso aparentemente intocável. Encanta de certa forma, e RUIM conserteza não É!
Então fica ai minha dica para hoje… e ah o que ele tem de romantico?
O que alguem que ama não é capaz de fazer/virar. Vejam o filme e confiram pessoar (:

Beijos Pessoal ;*
#ASSISTAFILMESLEGENDADOS!

http://www.youtube.com/v/DVyZWDUQjUg&hl=pt-br&fs=1&color1=0x3a3a3a&color2=0x999999&border=1

Finalmente!

Ahhh! Finalmente, depois de meses e mais meses de atraso, o Imax inaugurou ontem aqui em Curitiba. E como fiel escudeiro de novas tecnologias para o cinema, lá estava eu, na sessão das 19:30 de Harry Potter e o Enigma do Príncipe, que contava com 12 minutos de cenas 3D. Risquei mais um item da minha lista, “Um bilhão de coisas para se fazer antes de passar desta para uma melhor”, assistir HP no Imax! Teve gente me chamando de viciado, teve gente me chamando de MAU, teve gente me chamando de louco, mas mesmo assim eu fui! Não podia deixar de ir na inauguração. =D
Gente, pensem num negócio grande, mas grande mesmoo! Eu entrei na sala uns 20 minutos antes e fiquei perambulando lá dentro, fuçando cada detalhe daquela maravilha, e admirando aquela enoorme tela com seus 300m². É realmente uma experiência única. Jamais havia visto algo tão emocionante. Lágrimas escorreram de meus olhos quando me dei conta que estava lá. Uma espera de 8 anos, emfim, cessada. (Que emo, não?)
Bom, enfim. Como eu sou um cara metido a crítico chato, vamos dividir este post em duas partes, os Prós e os Contras do Dom Bosco Imax Theatre.

Hall de Entrada do Dom Bosco Imax Theatre.

Bomboniére. – Vai uma pipoca aí? R$8,50.

Prós.

Gente, pense num lugar grande. De novo!. Vamos fazer uma pequena comparação aqui. Imagine uma televisão lcd de 42″. Agora, vá lá no seu jardim, e pegue um inseto, relativamente pequeno (pode ser uma joaninha, uma formiga uma mosca, o que você quiser), e coloque-o em frente à essa tv. Agora adicione mais 346 insetos a frente da tv. Essa é a dimensão de uma sala Imax, na qual a tv é a tela, e a formiga, é você. É realmente assustador o tamanho da imagem.

Preste atenção no cara lá em baixo na frente da tela. Isso que só da pra ver 1/3 da altura dela.

A tela tem nada menos do que 16 metros de altura e 20 metros de comprimento. É a maior tela do país. Além do formato côncavo, que alcança (quase) toda a visão periférica do espectador. A brancura da tela é tão perfeita, que proporciona uma imagem muito mais nítida e muito mais brilhante do que os cinemas normais.

Tentativa de foto, da tela Imax. =D

Outra coisa que também espanta é o tamanho da sala. Enquanto os cinemas normais contam com 100, 150 lugares, a sala Imax tem capacidade para 347 pessoas mais assentos para pessoas com necessidades especiais. As poltronas revestidas em couro, são confortáveis e reclinam a parte do assento, facilitando o trânsito de pessoas. Sem falar na geometria da sala, pensada exclusivamente para a atração.

Assentos da sala Imax. As duas fileiras da frente são reservadas as pessoas com necessidades especiais.

A única coisa que eu vou falar nos prós e não vai constar nada nos contras, é o som. Esse sim, merece meus aplausos. É simplesmente fantástica a qualidade do audio. O sistema de 7.2 canais conta com 14 mil watts de som digital, cuidadosamente alinhados para que todos possam ouvir igualmente em qualquer ponto da sala. Ou seja, o som acompanha o espectador. O volume do audio é impressionante, e a frequencia dos graves mais ainda. É simplesmente o melhor sistema de audio para cinema que eu já vi na vida.

Atrás das poltronas e no alto, alguns dos canais de audio da sala.

Mas a melhor parte, eu deixei para o fim. O sistema 3D Digital da sala Imax. É a coisa mais impressionante que eu já vi em termos de imagens 3D. É realmente realista. É assombroso. É como se você estivesse realmente dentro do filme e pudesse tocar nos personagens e objetos. A sensação é maravilhosa. Nos primeiros minutos, pode até ocasionar dor de cabeça e tontura, para quem não esta acostumado a projeções 3D (como eu ou a maioria dos cidadãos), mas depois que acostuma, é a coisa mais impressionante do mundo. O sistema 3D Digital, é diferente dos sistemas de cinemas 3D comuns. Ao invés de usar aqueles velhos óculos vermelhos e azuis, que criam um efeito sobre um amontoado de rabiscos verdes, o óculos usado no Imax, é leve com uma lente produzida de um material especial sem nenhuma cor, como uma lente normal.

Óculos usado nas projeções 3D Imax.

A função dos óculos é separar a imagem de 2 projeções simultâneas na tela, que criam um efeito 3D. Cada lente enxerga a imagem de um projetor, e o cérebro humano se encarrega de juntar as duas de forma sucinta. Se você tirar os óculos durante as projeções 3D, tudo que você verá serão cenas normais de um filme normal. A magia mesmo, acontece depois que os óculos são usados.

Sala de projeção Imax.

Esse é o lado bom do Imax! Agora vamos para os contras.

Uma das coisas que realmente me deixou chateado, foi a de terem cometido o mesmo erro, da sala Imax de São Paulo. Para lucrar mais e mais, a empresa colocou muito mais poltronas do que o recomendado, o que fez a sala ficar um pouco apertada. Durante as projeções 3D um pouco da magia se esvai, pois como estão muito proximas as poltronas, você enxerga os “cabeções” durante o filme. É realmente frustrante. Outra coisa também que se fala muito mas na real, é um pouco de marketing escessivo. A divulgação promete total cobertura do campo de visão periférica dos espectadores. ERRADO! Isso só acontece, se você sentar exatamente no meio da sala, e lá na frente. Por a tela ser menor do que o tamanho padrão, ela ainda deixa um espaço na visão dos espectadores. E dependendo do lugar que você senta, isso é muito prejudicado. Como as poltronas estão próximas uma das outras, elas não são reclináveis. No caso de um filme com mais de duas horas de duração, a pessoa se cansa de ficar na posição ereta da poltrona e acaba se mechendo mais, atrapalhando os outros espectadores. Os Filmes em 2D que não são produzidos para imax, não usam todo o tamanho da tela. Sobra de 1 a 2 metros abaixo e acima da imagem.
Mas o mais importante é o preço. Meros R$30,00 para assistir a uma sessão 3D e R$25,00 para 2D. Eu acho um preço muito “salgado”, mas vale cada centavo gasto. Lembrando que, Idosos (60 anos ou mais), Portadores de deficiência, estudantes e doadores de sangue, pagam meia entrada mediante comprovação. Alunos do Dom Bosco, além de pagarem meia, têm desconto de 10%. Portadores de cartão de crédito Itaú/americanas, tem 50% de desconto na Inteira. Funcionarios e Professores da rede Dom Bosco 5% de desconto. Outra coisa também que me deixou intrigado, foi a falta de produções cinematográficas para Imax. Nessa semana de inauguração, por exemplo, só há 2 filmes em cartaz: Estação Espacial 3D (Todos os dias às 12h.) e Harry Potter e o enigma do Principe (Todos os dias às 13:30, 16:20, 19:30 e 22:35) Com os 12 primeiros minutos em 3D.
Agora eu vou ter que expressar minha indignação. Tá certo que eu paguei R$12,50 pra ver Harry Potter (que é o preço da meia dos filmes em 2D) mas passar os 12 primeiros minutos em 3D? Poxa, não tem ação nenhuma! A cena mais legal é a abertura do filme como Logo da WarnerBros vindo pra cima da gente. Deviam ter feito pelo menos a cena do “Argus Temperas” do Dumbledore em 3D! Ia ser muito mais emocionante. Então, fique esperto. Harry Potter, só os 12 primeiros minutos em 3D. Outro detalhe, Imax só projeta filmes dublados, porque não se faz legendas em filmes 3D. Uma porcaria isso, mas fazer o quê, né?

Então galera, é isso aí. Por mais que eu fale, fale e fale mais um pouco, vocês só vão realmente entender quando forem lá. Minha avaliação final? Apesar dos erros que poderiam ser evitados, vai receber um excelente. Então, não espere mais nada e vá ao Dom Bosco Imax Theatre. Vale cada centavo. Aí sim, vocês vão entender realmente o conceito de “Magia do Cinema”.

Até a próxima, povo!

I’ll be Back!

#assistafilmeslegendados(comexcessãodoimax).
#váaoimax!